Reduzir consumo de combustível está entre as principais preocupações atuais do brasileiro, considerando a alta dos preços da gasolina e do diesel, este tem sido também um dos fatores de preocupação para os gestores de frota das empresas.

 

O Brasil está em posição intermediária no ranking mundial de países que mais cobram caro pelo combustível, porém ao avaliar as condições mercadológicas e sociais do país, esse insumo sempre pesa na realidade do cidadão comum e do dia a dia das empresas que precisam manter a frota sempre ativa.

 

O uso inteligente de combustíveis pode ajudar a melhorar a operação logística e de movimentação da frota veicular, sendo fundamental identificar alternativas para reduzir os custos sem perda de qualidade no prazo de entrega para o cliente final.

 

Neste artigo apresentamos dicas importantes para ajudar a gerir a fonte de energia baseada na gasolina como forma de otimizar recursos da melhor forma possível.

 

Reduzir consumo de combustível

Durante a pandemia do coronavírus, os derivados do petróleo sofreram profundos reajustes impulsionados pela demanda e pela inflação na macro economia mundial.

 

Consequentemente, o preço dos combustíveis registrou forte disparada nos últimos meses, o que tem desafiado bastante as empresas a criar processo de gestão de recursos para a manutenção do transporte da empresa.

Em primeiro lugar, torna-se necessário evitar desperdícios, deslocamentos desnecessários e ou confiar os veículos da empresa nas mãos de muitos funcionários que não precisam do veículo diretamente.

 

A ausência de gestão correta sobre o uso do combustível compromete a produção da empresa e pode sobrecarregar na geração de capital e de receita para a corporação.

Confira a seguir as 5 dicas mais importantes para orientar empresas, empreendedores e investidores a alcançar a melhor economia possível.

 

1 – Manutenção dos veículos

Quando a empresa começa a planejar a manutenção de seus veículos, é importante investir também na manutenção preventiva. Como diz o ditado popular, prevenir é melhor do que remediar.

Além de evitar acidentes ou outros tipos de perdas e danos, a empresa reduz gastos com peças e, possivelmente, desperdício de gasolina.

A manutenção preventiva prevê checar níveis de óleo, a água, verificar os freios, fazer a substituição de sistemas de controle do motor e balancear os pneus.

 

2 – Rever a rotas

Quando o objetivo é reduzir o consumo de combustível, um dos pontos a serem abordados é otimizar as rotas. É importante repensar os caminhos que serão trafegados como forma de selecionar os caminhos mais curtos e dessa forma consumir menos.

 

Mas, quando a empresa possui muitos veículos e muitos destinos para serem atingidos, a dica é instalar softwares para roteirização de rotas que precisarão ser trafegadas pelos veículos da empresa, seja para realização de entregas, busca de insumos, vendas ou representação em geral.

 

Existem aplicativos e sistemas que oferecem acesso a mapas inteligentes e podem ajudar na avaliação de caminhos que poderão ser mais curtos e econômicos nas regiões urbanas, rurais e nas rodovias.

 

3 – Procure postos confiáveis

A empresa pode fazer uma lista de postos de gasolina que são de fato confiáveis no preço e na qualidade da gasolina. A empresa ainda pode fechar parceria com determinados postos de gasolina como forma de reduzir o preço pela quantidade de veículos abastecidos por semana.

 

Porém, é muito importante ter uma lista com outros postos que também sejam seguros em caso de algum imprevisto.

 

4 – Trabalhe com um único tipo de veículo

As empresas que investem na manutenção de frotas homogêneas costumam ter mais facilidade para economizar mais. As frotas homogêneas se referem ao uso de um único tipo de veículo que na quantidade exigirão uso de peças similares e equilíbrio no consumo de gasolina.

 

5 – Controle de quilometragem

A empresa que precisa reduzir consumo de combustível pode e deve realizar o controle de quilometragem, sendo uma iniciativa muito importante. Os responsáveis por esse setor poderão fazer a verificação da quilometragem de cada veículo para analisar se o automóvel ou caminhão está trafegando além do necessário.

 

 

Dicas bônus: Faça controle de peso de carga

 

Realizar o controle de peso de carga de transportes de médio ou grande porte é importante, pois quanto mais pesado está o veículo, mais combustível será consumido. O controle de peso deve ajudar também na realização da distribuição de peso de forma correta para o veículo e até mesmo para a fiscalização.

 

 

Conclusão

 

Neste artigo apresentamos importantes dicas para empresas de diferentes portes conseguirem reduzir o consumo de combustível, lembrando que tudo dependerá do comportamento do motorista e, em muitos casos, do treinamento oferecido pela empresa aos seus motoristas.

 

Se você tem uma frota e não consegue reduzir seus custos com combustível e manutenção dos veículos, conheça o Frota Certa!

Trata-se do mais completo software para gestão de frota do mercado, com ele você terá controle em tempo real de tudo que acontece com a logística de sua empresa, eliminando prejuízos e aumentando a vida útil de seus veículos.

 

Portanto, solicite já um teste gratuito e conheça de perto todas as vantagens que o Frota Certa pode oferecer ao seu negócio!

ERP na Nuvem: Vantagens e Desvantagens

Os Frequentes Aumentos dos Combustíveis e o Impacto no Setor Logístico

Qual ERP é Recomendado para Minha Loja?